18/10/2008

Hatha Yoga


O Hatha Yoga (sânscrito हठयोग), também chamado de Hatha Vidya (हठविद्या), é uma prática que complementa o sistema do Yoga (Yoga Darsana), foi desenvolvida pelo Yogi Swatmarama um sábio Hindu do século XV DC que compôs o Hatha Yoga Pradipika. Neste tratado Swatmarama introduz o Hatha Yoga como prática de depuração física e mental que prepara o corpo e a mente para a prática da meditação superior (deve ser praticado em monastérios ou em retiros espirituais sob a supervisão de um Guru competente). Os Yogis hindus praticam Asanas e Pranayama como treinamento físico para suportar longos períodos de meditação, mas no Hatha Yoga mais práticas são acrescentadas incluindo a prática do shatkarma para a purificação do corpo.
A palavra "hatha" denota potência (capacidade para realizar), e yoga significa acoplar coisas desconexas. Etimologicamente o termo "Hatha" é um composto de Ha e Tha que relaciona sol e lua sugerindo o equilíbrio entre prana e apana e, a articulação entre os principais nadis (ida e pingala - canais energéticos) do corpo sutil que devem estar plenamente operacionais quando se pretende atingir os estados de dhyana ou samadhi. Assim, o Hatha Yoga conecta a energia solar (ativa) com a energia lunar (latente, potencial) resultando em equilíbrio e ganho de potência.

Trata-se, efetivamente, de uma forte prática de depuração física e mental, preparatória, para a aquisição dos estados superiores de consciência e deve ser praticado sob controle em locais apropriados. Entre outros aspectos, o Hatha Yoga segue os mesmos princípios do Raja Yoga de Patanjali incluindo o código de conduta, Yama e, os preceitos "espirituais", Niyama.
O Hatha Yoga (também) é conhecido presunçosamente no Ocidente como "o Yôga" e, é praticado geralmente  para a obtenção de saúde e beleza física e, até mesmo, para a aquisição de poderes supranormais.
 
Origens
O mais completo texto sobre o Hatha Yoga é o Hatha Yoga Pradipika composto pelo Yogi Swatmarama. Este trabalho além de ser derivado de antigos textos em sânscrito sobre yoga, inclui as próprias experiências de Swatmarama e, também, informações sobre shatkarma (purificação do corpo), asana (posturas), pranayama (controle da respiração), chakras (centros de energia), kundalini (energia psicofísica), bandhas (contração muscular), kriyas (práticas que levam à manifestação de Kundalini), shakti (o poder da Deusa), nadis (canais do corpo sutil), mudras (gestos simbólicos) e, outros tópicos mais.


Origem mítica: A lenda conta que em uma ilha solitária, Shiva, presumindo que ninguém pudesse ouvir, transmitiu a ciência do Hatha Yoga à Deusa Parvati, mas um peixe mantendo-se oculto ouviu todo o discurso e imitou seus gestos. Admirado, Shiva perdoou o atrevimento do peixe (Matsya) e o transformou em um siddha, que veio a ser conhecido como Matsyendranath. Em retribuição, Matsyendranath transmitiu o Hatha Yoga a Chaurangi, paraplégico curado apenas com seu olhar. O Hatha Yoga Pradipika menciona Adinath, Matsyendranath, Gorakhanatah e muitos outros yogis que se tornaram famosos Hatha Yogis.


Atualmente, os ensinamentos de Sri Tirumalai Krishnamacharya (veja vídeo de 1938), que viveu entre 1888 e 1989, influenciaram muitas escolas modernas de Hatha Yoga. Os seus mais destacados discípulos que colaboram com a divulgação do Yoga no Ocidente foram Sri K. Pattabhi Jois, famoso por popularizar o estilo vigoroso Ashtanga Vinyasa Yoga,.. B.K.S. Iyengar que enfatizou o alongamento e o uso de suportes, Indra Devi, e o filho de Krishnamacharya, T.K.V. Desikachar que desenvolveu o estilo Viniyoga.
Desikachar fundou o Krishnamacharya Yoga Mandiram em Chennai, com o objetivo de tornar disponível a herança deixada por seu pai Krishnamacharya.

Outra vertente de influência foi originada por Swami Sivananda de Rishikesh (1887-1963) e seus discípulos, incluindo Swami Vishnu-Devananda - fundador da Internacional Sivananda Yoga Vedanta Centres, Swami Satyananda - da Bihar School of Yoga, e Swami Satchidananda - do Integral Yoga.

Do ponto de vista científico destaca-se Swami Kuvalayananda (1883 - 1966), pioneiro no desenvolvimento do Yoga científico que tornou o antigo yoga mais acessível à mente moderna educada no pensamento racional e científico. Ele investigou os efeitos de algumas práticas do Yoga sobre o corpo humano com a ajuda de alguns de seus alunos, no laboratório do Hospital de Baroda, entre 1920-1921. Sua experiência subjetiva, conjugada com os excelentes resultados dessas experiências científicas demonstraram que se o antigo sistema do Yoga for percebido através da abordagem científica moderna, poderia contribuir, enormemente, para o avanço espiritual e material da sociedade humana. Esta foi sua missão e seus esforços, realmente, tiveram êxito na difusão global do Yoga. (Em 2005 uma pesquisa do "Yoga in América", promovida pelo Yoga Journal, revelou que o número de praticantes nos E.U.A. aumentou para 16,5 milhões, tendo o grupo etário de 18-24 anos, um incremento de 46% no ano.)
Kuvalayananda fundou o Kaivalyadhama Yoga Institute composto de centro de pesquisas científicas, centro de pesquisas sobre a filosofia e a literatura do Yoga, ashram, hospitais e a universidade de yoga e síntese cultural.


Conceito
O tradicional Hatha Yoga (Hatha Vidya) é um caminho completo de yoga, incluindo fundamento ético, exercícios físicos (asanas e pranayama), e meditação.
Entretanto, o Hatha Yoga como praticado no Ocidente contempla, basicamente, as posturas (asanas) e alguns exercícios respiratórios (pranayama).

O Hatha Yoga é um dos dois ramos do Yoga relacionados com a cultura física, o outro é o Raja Yoga. Ambos são conhecidos como Ashtanga Yoga, ou seja, Yoga estruturado em oito partes (‘Ashta' significa oito e 'anga' significa parte) ou as oito competências que devem ser adquiridas pela prática do yoga. A principal diferença é que no Raja Yoga os asanas são praticados, principalmente, como preparação do corpo para uma meditação prolongada e, portanto, dá mais ênfase aos asanas próprios para meditação: postura do lótus (Padmasana), postura do realizado (Siddhasana), postura fácil (Sahajasana) e postura do raio (Vajrasana); o Hatha Yoga utiliza um grande número de asanas, enquanto, o Raja Yoga utiliza o pranayama sem as travas pranicas (Bandha).
O termo Hatha se refere aos opostos: quente e frio; fogo e água; e atividade e imobilidade. O Hatha Yoga, portanto, tenta equilibrar mente e corpo com exercícios físicos (asanas), controle respiratório (pranayama), e pacificação da mente através do relaxamento e da meditação.

As oito competências (etapas) da Ashtanga Yoga são: ["Yama e Niyama constituem a base ética e moral"]
Yama - Código de conduta (autodomínio).
Ahimsa: pacifismo, tolerância, supressão da violência; tradicionalmente não-violência.
Satya: veracidade.
Asteya: honestidade.
Brahmacharya: guiar-se por Brahma. Respeito aos aspectos criativos da divindade, virtude (arete).
Aparigraha: desapego, inclusive material (Isentar-se de preconceitos, superstições e ambições). Não possessividade, altruísmo.

Niyama - Compromentimento com a prática (disciplina e devoção).
Shaucha: asseio, higiene física e mental.
Santosha: serenidade, impassibilidade.
Tapas: disciplina física e mental, normalmente austeridade (ascese).
Svadhyaya: introspecção, busca do autoconhecimento incluindo o estudo das escrituras e dos darsanas que levam à compreensão do Paramatman.
Ishvarapranidhana: devoção, auto-entrega a Ishvara (ou a outra forma da suprema consciência).

Āsana - integração da mente e do corpo através da atividade física.
Pranayama - regulação da respiração levando ao controle mental.
Pratyahara - isolamento mental, desconexão dos orgãos dos sentidos da percepção dos objetos.
Dharana - concentração, unidirecionamento da mente.
Dhyana - meditação (ininterrupta concentração mental centrada em um único objeto)
Samadhi – ênstase (turyia). Quando o quarto estado de consciência é atingido, a dualidade sujeito/objeto é ultrapassada e ocorre a completa identificação do sujeito com o objeto, ou a união da alma individual com a alma transcendental.

Observação: Em algumas escolas de pensamento, só o Raja Yoga é aceito como Ashtanga Yoga, sendo o Hatha Yoga composto por seis membros e centrado no despertar e realização de Kundalini. Neste sistema, os seis membros do Hatha Yoga são definidos como Yama, Niyama, Asana, Pranayama, Mudra (posturas específicas para ajudar a travar a respiração), Nadanusandhana (audição do som absoluto no interior do corpo) - processo que pretende despertar Kundalini e seus desdobramentos. Devido a isto, esta versão do Hatha Yoga também é chamada de Kundalini Yoga.
Hatha Yoga: Wikipedia

Links
Hatha Yoga Pradipika
Hatha Yoga Prodipika / English and Sanskrit Text
Yoga anatomy by Leslie Kaminof, Amy Matthews e Sharon Ellis


Relaxation Technique: Wikipedia
Yoga Nidra: Wikipedia
Progressive muscle relaxation
Relaxamento muscular
Técnica de Alexander

Hatha Vidya Gurukulam
B.K.S. Iyengar Yoga
Iyengar Yoga: Wikipedia
Kaivalyadhama Yoga Institute
Maui Animated Yoga
Sivananda Center
Omkarananda Ashram
Bihar Yoga Bharati
Modern Yoga versus Traditional Yoga / Swami Jnaneshvara Bharati
Himalayan Institute
Yoga as exercice or alternative medicine
Academia Hermógenes
Instituto de Yoga Lonavla

2 comentários:

Anônimo disse...

Oi:

Gostei da sua descrição da Hatha Yoga, está bem completo !

_/\_

Namastê

Ricardo
www.HathaYoga.com.br

dremilio7 disse...

hiper
super
parabens
obrigado por tantas informações